Alto contraste A- A A+
Login
Home

Grupo Ceuma

28 anos

1 de outubro de 2019, 23:25 - Por Cristina Martins

‘Inova Ceuma”: integra, inova e resolve

Pode ser o rush no estacionamento em dias de chuva forte ou um procedimento para acabar com a burocracia de notas e aprovações no pagamento de fornecedores. Ambos os exemplo estão no escopo do Projeto Inova Ceuma que acaba de ser lançado pela Diretoria de Inovação e Tecnologia do Grupo Ceuma, sob o comando do Professor Marcos Barros. Nessa etapa, o foco é o grupo de cerca de 130 funcionários do CSC (Centro de Serviços Compartilhados), no Campus Renascença. A ideia é jogar a semente da “cultura de inovação” em todas as hierarquias de todos os setores administrativos e acadêmicos das seis IES do Grupo, a começar pela mais antiga delas, a Universidade Ceuma, uma das maiores estruturas funcionais e onde está alojado o moderno e recém-inaugurado CSC.

O Projeto alia a prática da integração à de inovação:  funcionários e setores se juntam para identificar e discutir problemas da rotina laboral e apontar soluções viáveis. As testadas e validadas saem vencedoras e serão adotadas em toda as organizações. “Uma boa solução pode estar numa tecnologia analógica ou mesmo artesanal. A digital, a mais comum hoje em dia,  é apenas uma dessas modalidades. O sentido de tecnologia tem a ver com o “saber fazer”, com o conjunto de técnicas e métodos que resolvam, de fato, um problema no funcionamento da origanização”, explica  Marcos Barros. “A cultura de inovação, como qualquer outra, deve quebrar paradigmas e leva tempo para se consolidar, esse é apenas o começo”, acrescenta ele.

Outro aspecto importante é quebrar os nichos administrativos. Ou seja, a lógica da inovação busca fora do setor propositor a parceria de outro.”Quanto maior o número de pessoas que pensam sobre um determinado gap, maior a chance de surgirem boas soluções”, conclui ele.  É a velha máxima de “duas cabeças pensam melhor que uma”.

À frente do operacional do Inova Ceuma está um grupo do NTI, que preparou edital, abriu inscrições e agendou as datas de análise das propostas, seleção dos grupos, treinamentos e a prática de trabalhos até que se chegue a resultados concretos. Em novembro, serão divulgados os nomes dos grupos vencedores. A primeira etapa do Inova Ceuma foi direcionada para as outras Diretorias do Grupo –  Acadêmica, Operações, Serviços Administrativos – e para as Assessorias da Mantenedora. Na sequência, o Projeto deve alcançar a área acadêmica, das coordenações de cursos, a Extensão até a Pós-Graduação.